Ficar por dentro das tendências de consumo é essencial para a sobrevivência do seu negócio no longo prazo. Um atendimento ágil pode ajudar muito na fidelização de clientes. A tecnologia é uma facilitadora de todas essas tarefas. Diante disso, conhecer um pouco mais sobre a comanda eletrônica é uma opção interessante.

Os negócios com vendas diretas ao público exigem controle, automação e rapidez. Isso reforça a importância de explorar inovações do mercado como o cashless e as fintechs. Ficou interessado no assunto? Então, confira agora como funcionam as comandas eletrônicas e aprenda a usá-las no seu estabelecimento. Venha comigo e boa leitura!

O que é uma comanda eletrônica?

Trata-se de um cardápio digital para lançar os pedidos dos clientes do seu restaurante. Com isso, consegue-se registrar os dados de consumo em um sistema informatizado e criar uma inteligência de negócios. Essa automação tecnológica pode gerar insights relevantes para os tomadores de decisão do estabelecimento. Assim, melhora-se o relacionamento com o cliente e as receitas recorrentes na sua empresa.

A comanda eletrônica usa apps integrados com aparelhos eletrônicos portáteis e servidores de arquivos. Dessa forma, os garçons podem registrar os pedidos com menos riscos de erros e já repassá-los à cozinha. Essa exatidão nos dados pode evitar muitos problemas na hora de fechar a conta. Veja, agora, mais detalhes sobre como as comandas eletrônicas funcionam.

Recebimento do cartão pelo cliente

Bem, a ideia aqui é mostrar os passos para você também usar essas comandas no seu restaurante. A primeira parte é entregar o cartão para o cliente. Esses cartões têm um número de identificação. Com isso, os garçons conseguem registrar os dados e os pedidos dos clientes. Tudo isso de forma prática e rápida. 

Abertura do sistema mobile

A comanda eletrônica funciona por meio de sistemas mobile. Trata-se de uma tecnologia adaptada para pagamentos móveis. Ao abrir o app, os garçons conseguem anotar no smartphone ou tablet os pedidos dos clientes. Todo esse processo é bem rápido. O garçom registra o pedido no sistema em vez de anotar à mão o pedido.

Lançamento dos pedidos

Depois de realizado o pedido pelo cliente, o garçom pode lançar os dados no sistema. Esse é um passo muito importante, porque é possível criar padrões e históricos de consumo. Com isso, é possível identificar quais são os itens mais pedidos no seu restaurante. Conheça, agora, 3 vantagens de usar as comandas eletrônicas.

1. Evita prejuízos e fraudes

A comanda eletrônica é um sistema automatizado de registro de informações. Com isso, você consegue armazenar todos os itens relevantes do pedido do cliente como: datas, refeições, bebidas e valores cobrados. Desse modo, consegue-se evitar fraudes, má-fé e prejuízos para o seu estabelecimento. Esses dados de histórico também podem ajudar muito no pós-venda para reter mais clientes.

2. Controla em tempo real

Os sistemas de pagamentos mobile conseguem processar grandes volumes de dados financeiros. Assim, você consegue ter um controle em tempo real dos pedidos e transações ocorridas no seu estabelecimento. Esses processos automatizados também permitem criar relatórios de gastos e de apoio às decisões.

3. Comete menos erros

As chances de registrar pedidos com erros na comanda manual são bem grandes. Por isso, usar as comandas eletrônicas pode evitar esses problemas. Esse cuidado é muito importante para fidelizar os clientes do seu estabelecimento.

Enfim, essas são as principais informações que você precisa saber sobre as comandas eletrônicas. Vale lembrar que essa é uma ferramenta valiosa para a eficiência do atendimento e a fidelização de clientes no seu restaurante.

Muito bem, agora você já sabe como funciona a comanda a eletrônica. Gostou do artigo? Então, assine a nossa newsletter e fique por dentro das melhores novidades sobre meios de pagamento, PDV fiscal e plataformas white label.